quinta-feira, 8 de junho de 2017

SAL: A caminhar na Rota Vicentina


A Rota Vicentina é a melhor oferta de Percursos Pedestres Sinalizados em Portugal. Trata-se de uma rede de percursos baseada no território do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina, respetivamente nas regiões do Alentejo e Algarve.
O Caminho Histórico, com 220Km divididos em onze etapas, liga Santiago do Cacém ao Cabo de São Vicente e é o principal eixo de caminhada com paisagens deslumbrantes e muito diversificadas, mudando constantemente de panorama a cada etapa. Este trajeto tem a Certificação Europeia “Leading Quality Trails – Best of Europe”, (ERA - European Ramblers Association) sendo considerado um dos melhores destinos de caminhadas em toda a Europa.
O Trilho dos Pescadores tem uma rota completa de 75Km divididos em quatro etapas, sempre junto à costa, entre Porto Covo e Odeceixe que se afirma como o trajeto mais cinematográfico de toda a Rota Vicentina, pela permanente presença do mar e das arribas, embora seja um percurso de cenário constante. Na região do Algarve, apresentam-se alguns percursos no Trilho dos Pescadores, sem ligação entre si, mas que são um bom complemento a etapas do Caminho Histórico.
A SAL foi o primeiro operador turístico a fazer de forma coordenada toda a Rota Vicentina entre Janeiro de 2014 e Maio de 2016, num total de dez fins de semana, cumprindo todas as etapas e optimizando os percursos no Algarve, entre o Caminho Histórico e o Trilho dos Pescadores. Participaram 110 caminheiros, denominados Pioneiros SAL na Rota Vicentina, num total de 362 participações.

http://www.sal.pt/