quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Fim de semana de caminhadas em Viana do Alentejo




"Escondida no interior alentejano, situada entre Évora e Beja, Viana do Alentejo é um concelho onde o tempo passa com a calma de quem já viveu muito.
Com marcas da passagem dos romanos, esta vila cujo nome original denunciava a sua vizinhança geográfica – Viana a par d’Alvito – foi, desde sempre, um local de extraordinária importância na defesa estratégica do país. A não perder uma visita ao castelo, um dos mais singulares conjuntos fortificados do Gótico Final.

Rodeada por belas paisagens, Viana do Alentejo é também muito bonita pela riqueza e diversidade do seu património, que quase parece ser um mostruário de épocas e estilos. Aliás, o culto da Senhora d'Aires que durante séculos foi o motor de floridas romagens ao sul, contribuiu para que hoje seja uma montra da arte sacra aplicada à arquitectura dos monumentos desta região. A não perder ainda a visita à vila das Alcáçovas e ao seu Paço Real. Terra de doceiras, vê em Dezembro muitos visitantes demandarem à vila para participar na Mostra de Doçaria local.

De Viana do Alentejo, vale ainda a pena conhecer o artesanato típico da zona, dos quais se destacam os chocalhos e a olaria, feitos pelas mãos de quem domina os segredos que estas artes e ofícios guardam religiosamente há muitos anos. Existem, inclusive, circuitos e cursos de olaria abertos aos visitantes e turistas.

Viana do Alentejo, a apenas 27 km de Évora, é uma tradicional vila alentejana. A partir do centro da povoação, a Praça da República, onde se situam os Antigos Paços do Concelho, podem apreciar-se edifícios seiscentistas e inclusivamente uma fonte de inspiração renascentista datada do século XVIII. Outro ponto de interesse da vila é um Convento do século XVI, onde coabitavam freiras da regra franciscana. Já no século XIX o edifício acolheu, segundo a Câmara, a primeira creche criada no país. Antes de abandonar a vila há que descobrir os seus segredos gastronómicos. E porque não começar por uns "Amores de Viana”?"

A não perder:
- Castelo de Viana do Alentejo (séc. XIV)
- Igreja Matriz (não deixe de apreciar os seus vitrais)
- Ermida de São Sebastião
- Ruínas do Convento de Jesus
- Santuário de Nossa Senhora de Aires (séc. XVIII)
- Convento da Esperança (séc. XVI)
@: herdadedasamarra.com