quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Porto Covo






 Não comi nenhuma laranja na falésia, como nos diz a canção do Rui Veloso, mas adorei as pessoas, a aldeia, as praias e o ambiente.
Estava a tirar fotos numa loja de artesanato e os proprietários vieram ter comigo. Com uma enorme simpatia, contaram-me que são espanhóis, mas que se apaixonaram por esta parcela da costa alentejana e aqui se radicaram.
Apostaram em Portugal, nas nossas gentes, no nosso artesanato. Um exemplo a seguir....
Temos gente que manda os nossos jovens emigrar, mas o segredo do futuro está em desenvolver o nosso país.
Precisamos de gente com garra, com vontade de vencer, sem ter medo do amanhã...
Adorei Porto Covo...
Aqui estão os vossos compadres posando com o Toro Loco, na loja de artesanato " A Casinha".