sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Frescos da Ermida de S. Geraldo


A Ermida de S. Geraldo, na vila de Alcáçovas é conhecida por encerrar no seu interior um conjunto de frescos do séc. XVII ainda do primitivo templo. Este elemento do património construído, possui registos historiográficos desde 1536, mas seria no ano de 1599, que este pequeno templo seria remodelado por uma comissão de moradores alcaçovenses, constituida posteriormente em irmandade e devota ao padroeiro S. Geraldo. Um dos frescos mais característico desta ermida, é a pintura alusiva a S. Inácio de Antiqua, que segundo alguns registos, terá sido bispo e discípulo do Apóstolo João. No séc. I, terá sido preso pelo Imperador Trajano como forma de o dissuadir a não seguir o cristianismo. Sem sucesso, o mesmo Imperador Trajano, laçou aos leões no coliseu de Roma, S. Inácio de Antiqua condenado-o à morte, tendo os leões com as suas garras "arrancado" o seu coração, dai este santo também ser denominado de advogado do coração.
Como curiosidade, este é um santo que é venerado pela Igreja Católica, Ortodoxa, Ortodoxa Orienta e Luterana.