sábado, 22 de março de 2014

O Oliventino, o dialeto escondido de Olivença ...

Mistura de português arcaico, de dialeto alentejano, de castelhano arcaico e espanhol corrente, o dialeto Oliventino é uma lingua muito rica, mas que corre o risco de desaparecer se não fôr protegida e incentivado o seu uso junto dos mais novos.
Olivença foi uma importante Praça-Forte portuguesa, tendo sido perdida na célebre Guerra das Laranjas, aquando das invasões napoleónicas. Deveria ter sido entregue a Portugal, mas isso nunca aconteceu. 
Depois de quase 200 anos de anonimato, surge agora a esperança que o Oliventino seja recuperado, reconhecido como dialeto e acarinhado...

Exemplo de Oliventino escrito e falado:
     
A 5 km da Vila, em direcção a aldêa de S. Jorge da Lori constitui um núcleo urbano de muito interesse por a personalidade que lhe conferem as suas monumentais chunés. Assentada no sopé da Serra da Lôri, a 5 km. da Vila, constitui um conjunto marcadamente ruráli, com a fisionomia tradicional pouco alterada, destacando-se a sua arquitectura popular alentejana.

Transcripció fonètica en el parlar oliventí

[a siŋku ki'lometruḥ, da'bila, eŋ diresaw a-al'dea de sawžorž da'lori kosti'tuj un 'nukliur'banu de muitu iŋte'reḥ pora personali'da ke je con'fereŋ la'suaḥ monumen'taliḥ t​ʃu'neḥ. aseŋtada nusu'pe da'seRa da'lori, kosti'tuj uŋ koŋ'žuntu markada'mente Ru'rali, kuŋa fisjono'mia tradisjo'nali 'poku alte'ra, desta'kandose laswarkite'tura pupu'lari aleŋtežana]

Informação recolhida do blog: http://alemguadiana.blogs.sapo.pt/