segunda-feira, 10 de março de 2014

Passeio Pedestre "Memórias de Montes Claros" (Borba, 09MAR14)











No passado domingo, dia 09MAR, a Câmara Municipal de Borba organizou mais uma caminhada gratuita, desta vez na área do Barro Branco, com visita ao Convento da Senhora da Luz, ao Memorial da Batalha de Montes Claros e ás Lagoas artificiais das Pedreiras de Borba.
Com cerca de 120 participantes, a maioria vindos de fora, estas caminhadas inserem-se numa dinãmica de divulgação do Concelho, através de caminhadas e passeios pedestres gratuitos.
Agradecemos ao Luis e á Sara, nossos guias locais,  a simpatia com que nos acolheram e fica desde já a promessa que voltaremos a caminhar convosco...

MEMÓRIAS DE MONTES CLAROS – PASSEIO À DESCOBERTA DE BORBA
Muitos! Muitos caminheiros, adeptos da natureza e das actividades de ar livre, aceitaram o convite do Município de Borba e vieram, no último domingo, conhecer as Memórias de Montes Claros.
O Passeio, com cerca de 12 km, levou os participantes pelas marcas e lembranças da célebre Batalha – de Montes Claros – na qual os portugueses, sobre o Comando do Marquês de Marialva, derrotaram o exército castelhano e recuperaram definitivamente a independência, pondo fim às Guerras da Restauração, no dia 17 de Junho de 1665. Visitamos a Ermida de Nossa Senhora da Vitória, construída em acção de graças à vitória portuguesa, no local que teria servido de atalaia aos comandantes das tropas nacionais, o Padrão da Batalha de Montes Claros, que assinala o local da Batalha.
Momento único e especial do nosso passeio foi a visita ao Convento da Luz (Igreja, Sacristia e Claustro). Uma rara oportunidade para apreciar e visitar um dos três conventos existentes no concelho, propriedade privada, que quase nunca abre portas a visitas. Agradecemos, pois, a todos os que nos possibilitaram esta visita.
Na sua Igreja, dedicada à Nossa Senhora da Luz, tivemos o privilégio de ouvir a Marina Pascoal e a Rosa Simões cantar “Sighore dell cime”. Bem hajam! Pelo meio, atravessamos estevas, um bosque de sobreiros e azinheiras. Caminhamos entre vinhas e deleitamo-nos com as "Ameixoeiras em Flor” de Borba, afinal há outros brancos famosos em Borba para além dos mármores e dos vinhos. Imagens sempre muito belas. A parte final ficou reservada a uma nova incursão pelas Pedreiras do Mármore de Borba onde pudemos observar várias lagoas artificiais, de tonalidades tão variadas, verdadeiros tesouros escondidos entre as grandes escombreiras que resultam da indústria extractiva do Mármore. E por falar em escombreiras, foi a subida a uma delas – o Alto do Mouro – que nos permitiu a imagem mais surreal do Passeio. Para sul e até onde a vista alcança, grandes crateras (umas com água e outras não), pórticos e montes e montes de escombros. É assim a exploração do Mármore, é esta a paisagem única da nossa região! De regresso à aldeia do Barro Branco, visitamos o Forno de Cal do Sr. Festas, que com os seus mais de 80 anos, nos explicou a arte de cozer pedra e a transformar em cal, um ofício que aprendeu com o Pai e Avô. Assim terminou o terceiro Passeio à Descoberta do Concelho de Borba. Passeio que contou com várias dezenas de participantes vindos, do concelho de Borba e de todo Alentejo, da grande Lisboa e de Espanha. Para além de portugueses e espanhóis tivemos também a companhia de um casal holandês, muito interessado no nosso património e na sua salvaguarda. O próximo está marcado para o dia 27 de Abril e vai-nos levar à descoberta da Primavera nos campos e vinhedos de Borba. Vamos caminhar em volta da Albufeira do Monte Branco e terminar a volta com um grande piquenique – convívio, sob o lema “traz o teu e come do de todos”.
Contamos convosco!
Sara Jaques

Fotos e texto gentilmente cedidas pela comadre Sara Jaques.