quarta-feira, 6 de março de 2013

A Cortiça

Miniaturas de utensilios tradicionais.

Carroça em cortiça. (I)

Carroça em cortiça. (II)

Cocho ou Cocharro.

Tarro.

O sobreiro (Quercus suber L) cresce em vastas extensões da zona do Mediterrâneo, especialmente em Portugal, onde existem mais de 189 mil hectares de zonas florestais com sobreiros. Esta espantosa árvore deve a sua longevidade (vive em média 200 anos) à sua capacidade sem paralelo na Natureza - de se regenerar.

De nove em nove anos, extrai-se a casca desta árvore, a Cortiça.

Os alentejanos sempre fizeram objectos em cortiça, que utilizavam no seu dia a dia.
Em Alcáçovas, o Ti António do Tiro era eximio nesta arte e das suas mãos sairam centenas de pequenas obras de arte.
Este património deveria ser conservado e divulgado no pequeno Museu Rural da nossa vila, antes que se perca para sempre..

Fotos de artesanato feito por Ti António do Tiro. ( Colecção particular )


Artigos em cortiça:
http://www.artelusa.pt/index.php?lang=pt