sexta-feira, 26 de abril de 2013

Rocha da Mina (Alandroal)







Os compadres Luis Faria e Eunice Gomes (e a Luna) do Projeto Raia-Alentejana, guiaram no passado dia 25ABR13, um alegre grupo de pededestrianistas num passeio á Rocha da Mina e Ribeira de Lucefecit, cruzando os trilhos do Endovélico...

Endovélico é uma divindade da Idade do Ferro venerada na Lusitânia pré-romana. Deus da medicina e da segurança, de carácter simultaneamente solar e ctónico, depois da invasão romana seu culto espalhou-se pela maioria do Império Romano, subsistindo por meio da sua identificação com Esculápio ou Asclépio, mas manteve-se sempre mais popular na Península Ibérica, mais propriamente nas províncias romanas da Lusitânia e Bética.
Endovélico tem um templo em São Miguel da Mota, no Alentejo, em Portugal, e existem numerosas inscrições e ex-votos dedicados a ele no Museu Nacional de Etnologia. O culto de Endovélico sobreviveu até ao século V, até que o cristianismo se espalhou na região.

Projeto Raia-Alentejana no Facebook: https://www.facebook.com/home.php#!/RaiaAlentejana?fref=ts

Fotos gentilmente cedidas pelo compadre Firmino Leitão.