sexta-feira, 26 de abril de 2013

Salamandra de Costelas Salientes



 Estas Salamandras de Costelas Salientes são frequentes no Sul de Portugal, sendo vulgar no Alentejo encontrá-las junto a locais húmidos e sombrios.
Pertencem á Família de anfíbios, da ordem dos urodelos, constituída por 42 espécies, em geral designadas por salamandras e tritões. Os animais desta família possuem duas séries de dentes palatinos em duas fiadas que na parte posterior são divergentes. Os adultos são pulmonados e nunca apresentam brânquias. Nem sempre é possível delimitar nitidamente a diferença entre tritões e salamandras. autores que designam por salamandrídeos as espécies maiores e por tritões as espécies mais pequenas. Todos os salamandrídeos possuem pele lisa e nua. A espécie Triturus vulgaris, ou tritão, pode atingir o comprimento de 10 centímetros e não apresenta garras nos dedos.
Vivem em locais frescos e húmidos durante o verão e no outono escondem-se nas pedras para hibernar. Na primavera voltam à água, mostrando o macho a sua veste nupcial. O macho apresenta uma crista dorsal na época da reprodução.